POLÍCIA FEDERAL: Oficializada delegacia em Ponta Grossa

          O superintendente da Polícia Federal no Paraná, Maurício Valeixo, informou, no fim da tarde desta quarta-feira (03), ao prefeito de Ponta Grossa, Pedro Wosgrau Filho, e ao secretário de Governo, João Barbiero, a oficialização da delegacia da Polícia Federal em Ponta Grossa. A delegacia foi oficializada pelo Ministério da Justiça e iniciará os trabalhos no município com 14 agentes federais.

                Valeixo informou que espera a confirmação da inauguração da delegacia em Ponta Grossa após o Carnaval. A inauguração, segundo ele, depende agora das agendas dos ministros do Planejamento, Paulo Bernardo, da Justiça, Tarso Genro e da chefe da Casa Civil, Dilma Russeff. A expectativa é de que a delegacia seja inaugurada na primeira quinzena de março.                Na conversa que teve com o prefeito e o secretário, Valeixo destacou a importância da delegacia em Ponta Grossa, citando o número de agentes que começarão a atuar. Em comparação com outras delegacias no Paraná, o superintendente contou que Ponta Grossa já começa os trabalhos com um bom número de policiais. A delegacia de Guarapuava e a de Cascavel, por exemplo, iniciaram as atividades com seis e quatro agentes, respectivamente. “Agora podemos afirmar que Ponta Grossa tem uma delegacia da Polícia Federal”, disse Valeixo, sem esconder a satisfação.                Valeixo também agradeceu ao prefeito o apoio que vem recebendo da Prefeitura nas obras no imóvel que sediará a delegacia. “A Secretaria de Obras e a Autarquia Municipal de Trânsito vem acompanhando as obras e adequações necessárias ao imóvel”, disse.                Para o prefeito, a conquista foi de todo o município. Wosgrau ressaltou a participação de importantes entidades na luta pela vinda da Polícia Federal para o município. O prefeito destacou a participação do movimento Campos Gerais de Igual para Igual, do Procurador da República, Oswaldo Sowek, do juiz federal, Antônio César Bochenek e a do delegado da Receita Federal, Fernando Saraiva.                 Para o prefeito, todos eles, mais a atuação da Câmara Municipal e da Secretaria de Governo, através do secretário João Barbiero, designado para acompanhar o processo de implantação da delegacia, foram fundamentais para a conquista. “Não podemos nos esquecer também do apoio que tivemos em Brasília, do ministro Paulo Bernardo (Planejamento). A partir de agora, as famílias de Ponta Grossa terão, além das forças policiais já presentes, a participação da Polícia Federal, que historicamente realiza um brilhante trabalho na segurança nacional”, disse o prefeito.                Barbeiro, que acompanhou todo o processo em Brasília, destacou a importância da delegacia não só para Ponta Grossa, mas para toda a região dos Campos Gerais. “Vínhamos lutando por esta delegacia há mais de 15 anos e presenciar a chegada da PF em Ponta Grossa me traz uma satisfação enorme. É muito bom poder comemorar essa notícia com toda a comunidade”, disse Barbiero.