Fundação de Cultura firma parcerias com Consulados do Japão e da Argentina

Por: Luana Caroline Nascimento
 
     Diretores da Fundação Municipal de Cultura de Ponta Grossa estiveram nesta quinta-feira, 07, em Curitiba em busca de parcerias para a realização de eventos ao longo do ano de 2019. Entre os locais visitados estavam o Consulado Geral do Japão, o Consulado da República Argentina e o Centro Cultural Teatro Guaíra, que garantiram apoio para ações culturais na cidade.
     A reunião no Consulado do Japão teve como objetivo o XVI Festival Paranaense de Taiko, que será sediado em Ponta Grossa em outubro. O evento acontecerá no Parque Ambiental, com uma grande estrutura, e receberá mais de 800 visitantes, sendo cerca de 250 tocadores. “Nossa ideia é aproveitar o momento do festival para realizar uma grande celebração da cultura japonesa em Ponta Grossa, com jogos, exposições, decoração, cosplay, oficinas e gastronomia, num ambiente para toda a família. A vice-cônsul Akiko Kikuchi foi muito receptiva com nossos pedidos e devemos formalizar o apoio já nos próximos dias, com a possibilidade de contar, inclusive, com um estande do Consulado no evento”, conta o diretor do Departamento de Cultura, Eduardo Godoy.
     Além disso, o apoio poderá abrir portas com possíveis patrocinadores, que podem se inserir no evento por meio de patrocínio direto ou pela Lei Rouanet. “O grupo Fuurinkazan [grupo local de taiko] está com o projeto aprovado e em fase de captação, podendo receber recursos por meio da dedução fiscal do Imposto de Renda de pessoas físicas e jurídicas. Os recursos serão aplicados exclusivamente no evento, principalmente para custear a vinda dos grupos à Ponta Grossa”, informa a diretora do Departamento de Captação de Recursos da Fundação Municipal de Cultura, Alessandra Bucholdz. Já estão confirmados cerca de 20 grupos participantes, do Paraná, São Paulo e Santa Catarina, podendo este número aumentar nos próximos meses.
 
Consulado da Argentina
     Já o Consulado da República Argentina em Curitiba já é parceiro da Fundação Municipal de Cultura de Ponta Grossa há dois anos, o que possibilitou diversas ações culturais neste tempo, como shows, apresentação de tango e lançamento de livro. Para 2019, está sendo agendada a vinda de um grupo de jazz-tango da Argentina para tocar junto com a Orquestra Sinfônica Cidade de Ponta Grossa. Além disso, serão realizadas ainda mostras de cinema e shows musicais. “O cônsul Pedro Marotta gosta muito da cidade de Ponta Grossa e sempre divulga os atrativos turísticos da nossa região. Além disso, é um entusiasta da cultura, viabilizando diversas ações aqui, desde que iniciamos o contato com ele”, afirma Eduardo.
 
Teatro Guaíra
     Os servidores visitaram ainda a diretora do Centro Cultural Teatro Guaíra, Mônica Rischbieter. Além do próprio teatro, a instituição é responsável também por grupos artísticos, como a Orquestra Sinfônica do Paraná, Ballet Teatro Guaíra e Teatro da Comédia do Paraná (TCP). “Ela se mostrou muito feliz com o Grupo de Teatro Cidade de Ponta Grossa. Acredito cada vez mais que temos um potencial muito grande pra alavancar o teatro ponta-grossense. O Guaíra se colocou à disposição do grupo e também para trazer algumas oficinas técnicas e artísticas ao longo do ano”, disse o diretor.