MunchenFest: Fumtur viabiliza crescimento da gastronomia alemã em Ponta Grossa

por Josué Teixeira
 
Curso promovido pela FUMTUR e pela SMICQP, em parceria com o Senac, amplia o número de pessoas capacitadas para trabalhar com a gastronomia alemã na cidade. 
 
Construída por imigrantes de diversas etnias, a cidade de Ponta Grossa ganha cada vez mais o tempero e as nuances alemãs com os preparativos para a realização da 29ª da MunchenFest, edição que promete inovar a festa que já é tradição no município.  Com foco na gastronomia e cultura alemã, a Prefeitura de Ponta Grossa, através da Fundação de Turismo (Fumtur), têm trabalho no fortalecimento das bases para a promoção do evento. Sinal disso é a formatura de mais uma turma do Curso de Gastronomia Alemã realizada na noite de ontem (18), no Senac.  A iniciativa, promovida pela Fumtur e pela Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional (SMCIQP), em parceria com o  Senac, tem como principal objetivo capacitar os interessados na gastronomia alemã  que podem vir não só a integrar as empresas participantes da festa, mas também fomentar o crescimento do mercado voltado à cultura alemã no município. É o que destaca o presidente da Fumtur, Edgar Hampf. “A formatura dessa turma é muito importante, pois consolida a ampliação do número de pessoas qualificadas para essa área no município.  Além disso, também fortalece o nosso projeto de criação de um produto turístico novo e de alta qualidade para Ponta Grossa, que passa pela realização da MunchenFest, obviamente - que conta com apoio, inclusive, do Consulado Alemão -, mas também deve ir ainda mais além, tornando Ponta Grossa uma cidade referência no que diz respeito a cultura alemã, sua hospitalidade e, principalmente, seus pratos.
Presente durante a cerimônia, a diretora municipal de qualificação profissional da SMICQP, Kelyn Kris Gonçalves, ressaltou os recentes investimentos que a Prefeitura vem fazendo na oferta de cursos gratuitos para a população. “Destinamos quase R$ 620 mil para disponibilizar quase 1,4 mil vagas. Alguns desses cursos são relacionados a aperfeiçoamentos para profissionais de hotelaria e garçons, por exemplo, o que também contribui com o turismo da nossa cidade”, aponta Kelyn.