Seminário reúne população para fortalecimento do Sistema Único de Saúde

por Rafisa Ramos
 
Durante todo o dia lideranças comunitárias, acadêmicos, profissionais da saúde e a população de modo geral participaram do I Seminário de Controle Social: Fortalecendo os movimentos sociais em defesa do SUS. O encontro aconteceu no Hotel Barbur e contou com palestras, apresentação de resultados do Plano Municipal de Saúde, estratégias para o plano de 2018 e formação de grupos de trabalho.
A atividade foi elaborada para que a gestão municipal pudesse dialogar com a população, pois é ela a principal envolvida. “Mostrar qual é o planejamento, estratégias e prioridades, sempre prestando contas daquilo que está fazendo, é um sinal de transparência da gestão, de responsabilidade e preocupação da real mudança na saúde da comunidade”, destaca o secretário adjunto de saúde, Robson Xavier.
A criação do Sistema Único Saúde (SUS), com a participação do conjunto da população, fez com que houvesse o reconhecimento das demandas e assim elas fossem atendidas. Para a vice presidente do Conselho Municipal de Saúde, Fábia Rocha, é possível perceber que quando há uma participação da sociedade a uma legitimidade maior das ações da gestão. “A população consegue entender as dificuldades que o governo passa”, comenta.
Durante o Seminário a população fez uma carta, mostrando a preocupação com o fortalecimento do sistema SUS. O seminário foi sendo organizado pelo Conselho Municipal de Saúde em parceria da Secretaria Municipal de Saúde e Universidade Estadual de Ponta Grossa e pretende-se realiza-lo anualmente.